Meu Sócio, Meu Amigo – Como Evitar Atritos Societários – 37 – AS PAIXÕES E OS SÓCIOS

Imprimir
Categoria: E-book

 

 

AS PAIXÕES E OS SÓCIOS

Em várias oportunidades refiro-me às paixões humanas como fomentadoras de atritos.

Entre elas preponderam, especialmente, a inveja e o ciúme. Sem esquecer a vaidade, a cobiça, e até o bom ou o mau humor.

Deixo para os psicólogos ou outros estudiosos a conceituação específica dessas emoções.

Os dicionaristas até que tratam alguns desses verbetes com igual significado.

Francisco Fernandes ao definir inveja traz, como sinônimos, ciúme, cobiça, emulação.

Usarei a inveja e o ciúme nos vários TEMAS deste livro com os conceitos de Michaelis:

Inveja: 1. Desgosto, ódio ou pesar por prosperidade ou alegria de outrem. 2. Desejo de possuir ou gozar algum bem que outrem possui ou desfruta.

Ciúme: 3. Ressentimento invejoso contra um rival ou suposto rival mais eficiente ou mais bem-sucedido, ou contra o possessor de uma vantagem material ou intelectual cobiçada.

Até o êxito nos negócios precisa ser bem administrado, pelo alto teor de negatividade que ele atrai por insensata inveja.

Gilberto Dimenstein, em artigo titulado A fórmula científica da mediocridade, dá arrimo à minha afirmativa, infelizmente:

No Brasil, fazer sucesso, como costumava dizer Tom Jobim e repete Jorge Amado, dois brasileiros de prestígio internacional, é ofensa pessoal. Talento e criatividade inspiram mais inveja do que admiração. Há um prazer mórbido em se desejar não a superação de quem faz sucesso, mas a destruição, para manter o parâmetro de mediocridade.

Faço um adendo; não é só no Brasil.

Richard Bernstein, jornalista do The New York Times, comentando o livro A conspiração para apanhar Bill Gates, anota:

Mas no centro da narrativa está o lado escuro de um sucesso fabuloso e a inveja extraordinária que o sucesso provoca; o culto de ódio que, segundo Rivlin (Gary Rivlin, autor do livro) está por trás dos truques e conspirações usados para ‘pegar’ Gates – truques e conspirações que, de acordo com sua descrição, uniram os principais concorrentes de Gates ao governo dos Estados Unidos e a outros governos, no que se converteu um processo antitruste cercado de grande publicidade.

Algumas vezes, interferências externas levam o sócio a inconformismos estranhos perante seu companheiro de direção. É inconcebível que isso ocorra. Todo cuidado é pouco. O inimigo está sempre à espreita.

A inveja ou o ciúme surgem, sub-repticiamente e quase sempre, de discordâncias progressivas, que se tornam agressivas.

Tendo o dirigente líder ciência de conflito nascente em seu ambiente, deverá dele se livrar, enquanto é tempo, mostrando que inquietações pessoais desse quilate não levam a nada.

A cada momento próprio, aponto o aparecimento dessas imperfeições de atitudes para que os interessados possam se acautelar, fustigando-as, veementemente, repelindo-as do convívio de seus companheiros, como genuínas doenças societárias a prejudicar o crescimento do grupo.



4       RESUMO DO TEMA

         AS PAIXÕES E OS SÓCIOS

 

n                As paixões humanas fomentam o atrito

n                Entre elas o ciúme e a inveja

n                A inveja acarreta o ódio ou pesar pela prosperidade ou alegria do outro

n               O ciúme é o ressentimento invejoso contra rival mais eficiente ou mais  

                 bem-sucedido

n               A inveja ou o ciúme surgem de discordâncias progressivas, tornando-se

                agressivas

n              O dirigente deve se livrar logo que tomar conhecimento delas, já que não

                levam a nada3

 
---------------------

Próxima edição:
Meu Sócio, Meu Amigo – Como Evitar Atritos Societários – 38 – 11/10/2012
O SÓCIO E O CLIENTE AMIGO
Período de publicação: a partir de 11 de outubro de 2012

Contato

Nívio Terra - Advogado de Negócios e Consultor Pessoal
nivio@PortaldoSocioedaSociedade.com.br
nivio@terracpe.com.br

Credite a fonte

O CONTEÚDO DO PORTAL DESPERTOU INTERESSE, COPIE, MAS CREDITE A FONTE. SUA ÉTICA SERÁ O FISCAL DESTE PEDIDO.
Copyright 2011 Meu Sócio, Meu Amigo – Como Evitar Atritos Societários – 37 – AS PAIXÕES E OS SÓCIOS - Joomla