Livro: O FORTALECIMENTO DA EMPRESA FAMILIAR – João Bosco Lodi (*)

Imprimir
Categoria: Dicas e Fatos



O Portal do Sócio e da Sociedade trás para Conhecimento e Informação de seus leitores um dos livros de João Bosco Lodi, 65, Professor e Consultor de Empresas, falecido em agosto de 2002.

Pode-se garantir que foi o introdutor no Brasil dos Estudos sobre a Empresa Familiar. Uma característica do Prof. Lodi é que foi sempre um excelente estudioso da gestão de empresas, o que lhe levou a solucionar pendências familiares em empresas "emergindo da grande crise dos anos 80". Até sentenciou: "O grande desafio da Empresa Familiar está na Família representada nos momentos da sucessão e da profissionalização" (Introdução).
Segundo Lodi, "... Não se aprende a prática da administração na Escola
de Administração; lá se aprende teoria e técnica administrativas. A gerência de uma atividade é um 'performing art', que só pode ser aprendida na situação real, diante do produto e do cliente, sob a guia de um bom chefe".


Os leitores – especialmente os mais jovens que buscam posições em empresas encontrarão teses interessantes amplamente debatidas. Entre elas, de grande importância, se refere à dualidade na formação do profissional, de um lado, o especialista e, de outro, o generalista.

" Uma das mais notórias distorções de nossa economia do
trabalho está nesta inversão da lei da oferta e procura, quando, de um lado, excede a oferta de especialistas e, de outro, faltam generalistas; de um lado, uma grande massa de profissionais formados na expectativa de trabalhar nas grandes empresas estatais e multinacionais, e, de outro, a esmagadora maioria de pequenas e médias empresas destituídas de talento administrativo". (pg. 57)

" Os generalistas de maior sucesso começam cedo a assumir essas funções, a partir de uma gerência geral ou superintendência de uma pequena firma, num conglomerado.
Muito cedo, aos 30 anos, aprendem a dirigir pessoas mais velhas, integrar as especialidades num conjunto harmonioso e responder pelos resultados globais de um negócio. Aos 35 anos, são nomeados ou eleitos como diretores superintendentes ou vice-presidentes executivos e, a partir desse limiar, desfrutam de muita energia e muito tempo para fazer um bom trabalho. "(pg.60)

Com a finalidade de interessar o leitor nesse livro, basta transcrever os
itens do

Índice:

INTRODUÇÃO
I
A EMPRESA FAMILIAR
1. A sucessão dos presidentes
2. Quando o presidente deve se afastar?
3. O presidente envelhece
4. A arte de envelhecer
5. A desunião faz & força
6. O abismo das comunicações
7. Quando o presidente não tem herdeiros
8. O dilema do empresário
9. A crise do especialista
10. Quando chega o consultor
11. O papel da consultoria
12. A arte do diagnóstico na consultoria
13. Relações e conflitos entre acionistas
14. Como ajudar um parente a sair da empresa
15. A estratégia de mudanças nas grandes famílias
16. Esta sucessão também é complicada 

II
A CRISE DOS ANOS 80
1. Elegia do empresário falido
2. Receitas para a crise
3. Estratégias de recuperação
4. É hora de nos livrarmos do raciocínio tecnocrático
BIBLIOGRAFIA

(*) Livraria Pioneira Editora São Paulo – Coleção Biblioteca Pioneira de Administração e Negócios – Ed. 1984
ooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

Contato

Nívio Terra - Advogado de Negócios e Consultor Pessoal
nivio@PortaldoSocioedaSociedade.com.br
nivio@terracpe.com.br

Credite a fonte

O CONTEÚDO DO PORTAL DESPERTOU INTERESSE, COPIE, MAS CREDITE A FONTE. SUA ÉTICA SERÁ O FISCAL DESTE PEDIDO.
Copyright 2011 Livro: O FORTALECIMENTO DA EMPRESA FAMILIAR – João Bosco Lodi (*) - Joomla