GLOSSÁRIO DA CPE PARA O EMPRESÁRIO - 1ª Edição - Abril 2002

Imprimir
Categoria: Dicas e Fatos

A CPE CRIOU ESTE GLOSSÁRIO, COM CONCEITOS SIMPLES, VISANDO FACILITAR PESQUISA OBJETIVA. RESSALVAS OU COMPLEMENTAÇÕES SERÃO ACEITAS PARA OPORTUNA PUBLICAÇÃO.
Nívio Terra

ACIONISTA - Dono de ações de S.A.
ACORDO DE ACIONISTAS - União de donos de ações para decisão coletiva sobre determinados assuntos.
APO - Administração por objetivos - técnica administrativa.
AS BUILT* - Procedimentos técnicos que envolvem todo o negócio imobiliário, desde o nascedouro da idéia, seguindo pelo equacionamento das características físicas e geométricas do imóvel; demarcação e acompanhamento da obra e sua conclusão com respectivos registros públicos.Tudo visando perenidade. Resulta, portanto, um bem como efetivamente executado, como construído.
ASSEMBLÉIA GERAL(EM EMPRESA) - Reunião de associados: de constituição, ordinária ou extraordinária.
BENCHMARKING - Buscar modelo em outra empresa de melhor potencial e aplicação.
BENS DE CAPITAL - Aqueles bens produzidos para com eles ser fabricado algo que seja destinado ao usuário final.
BENS DE CONSUMO - Aqueles visando o usuário final, após terminado o ciclo de produção.
BUSINESS COACHING - Consultoria pessoal ao empresário, técnica introduzida no Brasil pela CPE, conforme boletim Por Dentro, Ano 1, nº2, junho/julho 96, e que visa cooperar com o empresário em questionamentos pessoais de indivíduo ligado a empresa.
CEO - CHIEF EXECUTIVE OFFICER - Executivo principal sem necessariamente ser o dono da empresa.
CHEQUE - Ordem de pagamento à vista, cujo valor é levado a débito de fundo disponível em banco; título previsto em lei.
CHEQUE PÓS-DATADO **- É corruptela de cheque quando previsto para o valor ser levado a débito em data futura; torna-se, então, promessa de pagamento. Na data prevista para pagamento retorna para os fins e efeitos de cheque;não existe lei a respeito; aprovado pelos tribunais judiciais, particularmente da área criminal.
CISÃO DE EMPRESA - Divisão de empresa com separação, ou não, de sócios/acionistas.
CÓDIGO - Coletânea orgânica de preceitos legais sobre assunto específico.
COMPANHIA DE CAPITAL ABERTO*** - Sociedade por ações “que tem seus títulos registrados na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e distribuídas entre um determinado número de acionistas, que podem ser negociadas em bolsas de valores ou no mercado de balcão “.
CONSÓRCIO DE EMPRESAS - União de empresas para determinado negócio.
CONSULTORIA PESSOAL AO EMPRESÁRIO (CPE) - Técnica recente para atuação individualizada - business coaching (vide acima) - visando cooperar na solução dos questionamentos pessoais de indivíduo ligado a empresa.
CUSTOMIZAÇÃO - Bens ou serviços criados sob a técnica de produção em massa, mas visualizando um consumo individual, sob medida.
DEBÊNTURE - Título de crédito emitido por pessoa jurídica, garantido pelo ativo da empresa. A garantia pode ser real ou flutuante, sendo que esta última não impede a negociação dos bens que compõem o ativo correspondente.
DIREITO COMERCIAL - Legislação para comércio e negócios.
DIRETOR - Dirigente de empresa, usualmente sociedade anônima, mas não com exclusividade.
DOWNSIZING - Na empresa, é o enxugamento de cargos e funções e, na informática, é a utilização de computadores pessoais substituindo o de grande porte que centralizava as informações.
EMPREENDEDOR - Fundador de empresa ou seu continuador, este desde que sempre criador e arrojado.
EMPRESÁRIO - Dono de empresa ou seu dirigente, sem ser o dono.
ENDOMARKETING - Marketing direcionado para o elemento humano interno da empresa.
EXECUTIVO - Dirigente, não dono, de área da empresa.
EXPERTISE - Conhecimento ou técnica de atuação em algum campo da ciência humana.
FACTORING - Conjunto de serviços oferecidos por empresa especializada a uma clientela composta exclusivamente de pessoas jurídicas, abrangendo atividades financeiras, inclusive aquisição de créditos.
FIANÇA - Garantia de crédito/dívida nem sempre lastreada em bens, mas sempre sem vinculação direta com estes.
FRANQUIA - Negócio próprio sob marca, técnica e orientação de terceiro.
FUNDING - Obtenção de meios financeiros para alavancar um projeto.
FUSÃO DE EMPRESAS - União de duas ou mais empresas formando outra.
GERENTE (VIDE SÓCIO GERENTE) - Dirigente de empresa limitada.
GERENTE DELEGADO - Dirigente de limitada, não necessariamente sócio, mas escolhido por este, por prazo determinado ou não.
GLOBALIZAÇÃO - Visualização do mundo como um vasto mercado sem fronteiras, influenciável pela celeridade e facilidade da transmissão de informações.
HEDGE - Fórmula de garantia ou compensação entre compradores e vendedores e contra eventual perda financeira (vide swap).
HIPOTECA - Garantia de liquidação de crédito/dívida, sempre vinculada a bens imóveis.
INCORPORAÇÃO DE EMPRESA - Absorção de empresa por outra.
INCORPORAÇÃO IMOBILIÁRIA - Documentação apropriada depositada em cartório de registro imobiliário, obrigatoriamente antes do início de alienação e/ou oneração de imóveis em construção.
INTERNET - Rede de telecomunicação que interliga computadores de toda e qualquer localidade.
INTRANET - Tratamento das informações internas da organização com os métodos característicos da Internet.
KAISEN - Vocábulo japonês que significa a filosofia praticada na empresa através de processos e ações para melhoria permanente e contínua.
KANBAN (just in time) - Vocábulo oriundo de montadora de veículo japonês, quando as peças são fornecidas diretamente na linha de montagem, várias vezes ao dia.
LEARNING ORGANIZATION - Aprendizado na e da empresa; talvez um aprimoramento da reengenharia com menor trauma na mão-de-obra; começaria pela remodelação do layout dos departamentos, com nova adaptação do elemento humano ao seu local de trabalho.
LIDERANÇA - Função do líder; uma obrigação de comando para o bem da sociedade.
LIMITADA - A rainha das sociedades; serve para multinacional ou lojinha; tipo de sociedade mais utilizada no Brasil; no passado, a responsabilidade dos sócios se limitava ao capital; atualmente extrapola esse limite em alguns casos, o que causa, por vezes, certa perplexidade.
LOW PROFILE - (1)Pessoa que não alardeia qualidade ou capacidade que julga ter; (2)pessoa que, com pouco esforço, ação, consegue bons resultados.
LUVA - Renda antecipada de locação.
MANAGEMENT - Habilidade, arte e destreza em cuidados administrativos.
MARKET SHARE - Trabalho de introdução e/ou conquista de mercado.
MBO - MANAGEMENT BUY-OUT - Operação de venda da empresa a seus dirigentes internos, com certas vantagens para estes.
MERCADO - Ambiente de negócios da empresa.
OMBUSDMAN - Agente criado na Escandinávia para, representando os interesses do povo, investigar e controlar a administração pública; alguns tentam criar alguma conotação com o ouvidor geral do período colonial brasileiro.Empresas mantêm este posto em respeito e para defender direitos do seu cliente-consumidor.
PENHOR MERCANTIL - Garantia de crédito/dívida com bem comercial.
PERSONALÍSSIMO - Técnica pessoal de orientação da CPE ao empresário.
QUOTISTA - Dono de quotas de sociedade limitada.
RECEBÍVEIS - Valores financeiros decorrentes de operações de venda de bens ou serviços a prazo; atualmente usados em negócios de securitização.
REENGENHARIA - Reconstrução ou reformulação da empresa visando melhor definir seus objetivos e obtendo melhores resultados; pode ser operação mais ou menos complexa; ciência administrativa criticada, segundo opositores, quando alguns seguidores mais se dedicam à dispensa de mão-de-obra.
SECURITIZAÇÃO - Recursos financeiros obtidos e/ou garantidos por recebíveis; ou seja, valores a entrar por realização de vendas de bens ou serviços a prazo.
SOCIEDADE ANÔNIMA - Empresa tida, mas nem sempre, como de maior porte financeiro ou econômico; conveniente quando há muitos participantes (acionistas); obrigatório quando há interesse em integrar o mercado de capital aberto;melhor utilizar “sociedade por ações” eis que não existem, no direito brasileiro, ações ao portador que causaria a anonímia.
SÓCIO GERENTE - Sócio e dirigente da limitada.
SÓCIO QUOTISTA - Dono de quotas de limitada.
SÍNDROME DO EMPRESÁRIO – Solidão.
SWAP - Operação que investidores fazem, visando compensar riscos ou perdas, trocando juros e/ou indexadores sempre com instituições financeiras envolvidas; utilização de moedas diferentes com taxas de câmbio idênticas; tem algo a ver com hedge.
TRUST - Significa “confiança” - sistema utilizado em países estrangeiros para proteção de interesses de herdeiros; serve para administrar fundações que se perpetuam. Muitas vezes os beneficiários finais ficam no anonimato, sendo seus bens administrados por e em nome de profissionais.

--------------------------------------------------------------------------------
NÍVIO TERRA, ADVOGADO DE NEGÓCIOS, CONSULTOR PESSOAL E PALESTRANTE. Autor do livro “Meu Sócio, Meu Amigo – Como Evitar Atritos Societários - Contatos pelo fone (11)3826-0222 ou e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

--------------------------------------------------------------------------------
(*) - Conceito sob reflexão especial da COTA TERRITORIAL SCL - Pabx (011) 548-7022.
(**) - vide www.hnet.com.br/terracpe/abre.asp?sec=031&cod=8
(***) - Publicação da BOLSA DE VALORES DE SÃO PAULO -fev/96.
--------------------------------------------------------------------------------
COPIE, MAS CREDITE O AUTOR E A FONTE. SUA ÉTICA SERÁ O FISCAL DESTE PEDIDO.
--------------------------------------------------------------------------------


 
 

Contato

Nívio Terra - Advogado de Negócios e Consultor Pessoal
nivio@PortaldoSocioedaSociedade.com.br
nivio@terracpe.com.br

Credite a fonte

O CONTEÚDO DO PORTAL DESPERTOU INTERESSE, COPIE, MAS CREDITE A FONTE. SUA ÉTICA SERÁ O FISCAL DESTE PEDIDO.
Copyright 2011 GLOSSÁRIO DA CPE PARA O EMPRESÁRIO - 1ª Edição - Abril 2002 - Joomla